Buscar

Criolipólise: a queima de gorduras do momento


Pesquisas apontam que a Criolipólise é um dos tratamentos estéticos mais procurados hoje em dia, por ser um método muito eficaz e não invasivo. Muitas vezes, não basta estar com o peso ideal, algumas pessoas sofrem com as famosas gordurinhas localizadas, que não conseguem queimar na academia, mas também não são suficientes para um procedimento cirúrgico. O formato de “pêra” nos quadris, ou a “pochete” na região abdominal, pode ser um incômodo que atrapalha a auto-estima e bem-estar.


A Criolipólise é feita através de uma tecnologia de resfriamento intenso e localizado, eliminando as células de gordura sem causar danos aos tecidos adjacentes. A técnica tem o objetivo dar contorno ao corpo, utilizando um aparelho específico, que realiza sucção na área selecionada, ocasionando o congelamento da região. Isto é, a baixa temperatura afeta as células de gordura, causando sua morte, sendo então absorvida e eliminada pelo organismo. Trata-se de uma alternativa não cirúrgica para indivíduos que querem fazer uma remodelagem corporal, sem complicações e riscos quando se comparados aos procedimentos invasivos.


A Criolipólise vem se tornando um dos recursos mais eficazes para o tratamento de gordura subcutânea localizada em vários países. Sua eficácia foi comprovada através de estudos nos quais apontam que tecidos ricos em lipídios são mais suscetíveis a lesões pelo frio do que tecidos ricos em água, demonstrando uma redução de aproximadamente 25% na espessura da camada adiposa após um ciclo de tratamento.


Como funciona a Criolipólise?


O aparelho que realiza a Criolipólise é composto por ponteiras que se prendem em diversas áreas do corpo. Então, é realizado um vácuo que irá propiciar a sucção da pele e do montante de gordura localizada. Em seguida, ocorrerá um resfriamento intenso e controlado na porção sugada. A Criolipólise pode ser realizada apenas em algumas regiões do corpo, pois as ponteiras não se adaptam a qualquer tipo de estrutura. A sessão pode durar mais de uma hora, dependendo da quantidade de regiões tratadas e deve ter um intervalo de pelo menos três meses entre elas, podendo ser realizado com segurança em várias regiões do corpo.


Quais as Indicações e contraindicações?


Indicado tanto para homens como para mulheres, o tratamento pode ser feito em qualquer idade, sendo que menores de dezoito anos devem estar acompanhados por um responsável. As principais contraindicações são doenças raras, com sensibilidade conhecida ao frio, tais como, crioglobulinemia, hemoglobinúria e urticária, sendo contra-indicada também em casos de dermatites, cirurgia recente, cicatriz ou hérnia, além de gravidez ou lactação, feridas abertas ou infectadas na área a ser tratada. São relatados poucos efeitos adversos com relação ao uso da técnica, quando executada corretamente, eventualmente, pode ocorrer dor leve a moderada e alterações sensoriais no local por até três semanas.


Vale ressaltar que embora a Criolipólise seja classificada como tratamento não invasivo, efeitos adversos podem ocorrer, principalmente quando se utilizam equipamentos não adequados e/ou quando profissionais não habilitados realizam a técnica, em especial sem seguir as regras de segurança. Para não cair em armadilhas, conheça nossa equipe especializada e agende um horário conosco, através do telefone: (31) 2510-1303.

24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo