Buscar

Qual melhor tratamento para a queda de cabelo?


A queda de cabelo não é um “mal” restrito ao sexo masculino, as mulheres também são acometidas com a queda de cabelo, seja por problemas hereditários ou por questões de saúde. Muitos recorrem a tratamentos com medicamentos orais, mas não são todos que adaptam a ingestão de remédios. Contudo, a tecnologia vem trazendo muitas alternativas de procedimentos estéticos para esse tipo de problema. Aparelhos de Laser e LED estão sendo utilizados para este fim com resultados tão, ou melhores, que a ingestão de sintéticos. O microagulhamento, ativando a região, é outra alternativa que vem se popularizando, podendo inclusive ter um reforço com aplicação de medicação local (drug delivery) que também tem se mostrado muito eficaz. Vários tratamentos estão disponíveis, porém qual é o ideal para você?


  • Led / Laser

O mecanismo de ação do LASER e LED para Tratamento de Calvície é feito através do fotobiomodulação, ou seja, a luz penetra no couro cabeludo, atinge as células e estimula o seu metabolismo. O LASER e LED de baixa intensidade também ativa a microcirculação arterial, melhorando o fluxo sanguíneo e a oxigenação das células.


O tratamento com LED é indicado para redução da progressão da calvície feminina e masculina (Alopecia Androgenética) nos estágios iniciais e intermediários, atuando nas raízes que ainda estão vivas. Serve também para queda temporária dos cabelos em situações pós: parto, cirurgia, emagrecimento excessivo, anemia, estresse, uso de medicamentos ou doenças de tireóide, entre outros.


Após cirurgia de Transplante Capilar, o procedimento pode auxiliar na cicatrização e eliminação das crostas e ajudar no crescimento dos fios transplantados.Devido a ação anti-inflamatória do LED pode ser indicado como coadjuvante no tratamento da Dermatite Seborreica do couro cabeludo, reduzindo a oleosidade e a coceira na região tratada, bem como, para atuar em outros tipos de queda de cabelos e no fortalecimento de fios finos e frágeis.




O microagulhamento é um tratamento para queda de cabelo que utiliza caneta elétrica, na qual é encaixada uma ponteira estéril, que visa estimular e induzir a formação de colágeno. Essa técnica é utilizada para flacidez da pele, cicatrizes de acne, estrias, porém vem sendo aplicado no couro cabeludo para a queda de cabelo tanto em homens como em mulheres.


É um recurso de tratamento onde o profissional da área da estética se utiliza de um dispositivo com microagulhas, com o objetivo de causar microtraumatismos cutâneos e a formação de microcanais oriundos das múltiplas perfurações da pele. A função é melhorar a circulação sanguínea e criar um estímulo inflamatório no local, como também facilitar a penetração de ingredientes ativos na derme com o propósito de chegar ao folículo piloso, ou seja, o Microagulhamento associado a aplicação de ativos específicos (Drug Delivery).


  • Delivery de ativos específicos (Drug Delivery)


Após a Microagulhamento, alguns profissionais optam por introduzir algum remédio neste momento, aproveitando os orifícios causados pelo procedimento. Esse tipo de técnica é chamada de drug-delivery, que pode ser traduzida como “Delivery de ativos específicos”.


O número de sessões também é variável, mas o mais indicado é uma sessão por mês, no total de quatro a cinco sessões. A frequência das aplicações e os cuidados após o tratamento variam muito, podendo ser semanal, quinzenal e até mensal. Esse tratamento é contraindicado para pessoas que utilizam anticoagulantes sistêmicos ou pacientes que apresentam distúrbios de coagulação e câncer em atividade.


Uma das grandes vantagens do Drug Delivery é o alcance de penetração das substâncias em camadas mais profundas da pele, atingindo resultados mais efetivos já que o crescimento dos fios é estimulado na derme. Os principais métodos utilizados são:


Intradermoterapia Capilar: consiste na introdução diretamente no couro cabeludo de minoxidil, D-pantenol e fatores de crescimento, com o auxílio de uma ou mais microagulhas. Essas substâncias bloqueiam a queda de cabelos e, simultaneamente, estimulam o crescimento de novos fios.


● Microinfusão de medicamento

Por meio de minúsculas agulhas encaixadas em um dispositivo criam-se microcanais que serão preenchidos com minoxidil, D-pantenol e fatores de crescimento e outras substâncias ativas que estimulam o crescimento capilar.


● Laser fracionado

Da mesma maneira às outras técnicas na qual são injetadas substâncias que estimulam o crescimento em camadas profundas da pele, a diferença desse método é que, ao invés da aplicação mecânica das substâncias por meio de microagulhas, a aplicação é feita termicamente por meio de orifícios criados através do laser fracionado.


Agora que você já conhece um pouco das novas tecnologias para o combate a queda de cabelo, a sugestão é que a escolha de qual o melhor tratamento seja feito junto a um médico ou profissional da estética especializado. A escolha dos profissionais e do local a ser aplicado é muito importante para evitar efeitos colaterais indesejáveis. Quer ter mais dicas de tratamentos capilares?


Acompanhe nossas redes sociais: Facebook e Instagram.



17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo